Preciso me desfazer de tudo?

Essa imagem  representa algo que eu sempre desejei: muitos e muitos livros! Hoje prefiro os digitais ou fazer trocas de livros, emprestar, fazer com que o conhecimento adquirido com a leitura circule por mais mentes!

Pergunta que muito recebo é quanto o número de coisas (coleções, por exemplo) que devemos ter (ou não) para começar a praticar o minimalismo.

Resposta: não sei! Como poderia saber e mensurar algo que diz respeito a outra pessoa?

A proposta que sempre faço a quem quiser começar a conhecer e a praticar o minimalismo é repensar os sentimentos ligados às coisas.

Além disso, é necessário avaliar o consumo e o tanto de esforço para adquirir bens materiais e mantê-los e, ainda,  o tanto de espaço que eles ocupam em sua vida.

A resposta a pergunta: eu preciso me desfazer de tudo que tenho? Não! Não necessariamente, mas mantenha o que te faz feliz e faz sentido!

Te convido a revisitar esse “tudo” para saber se ele cabe em sua vida, na sua rotina, nos seus propósitos! A depender da reposta, você o manterá ou não!

Você não precisa se desfazer de todas as suas coisas. Como sempre busco deixar claro é que seria proveitoso experimentar deixar a vida mais livre . Deixar a vida mais livre para ter mais tempo (e dinheiro) para promover experiências agregadoras! Essa é uma ótima ideia!

Quer deixar uma pergunta  nos comentários sobre o tema “desapegar” ou sobre as “dificuldades”? Pode ser qualquer dúvida sobre esse contato inicial com o minimalismo, fique à vontade, pois eu sei que encontraremos juntos alguma solução!

:*
K.

Dica de curso!

Você está buscando o Minimalismo em sua vida?

Deixo aqui o link de um curso muito interessante  porque acredito que pode realmente te ajudar a dar os primeiros passos e ingressar nesse estilo de vida que tanto nos traz benefícios!

Para saber mais: Curso Organização Pessoa e Minimalismo!

 

Você pode gostar também

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *